O Cerro Santa Lucia é uma das áreas verdes mais visitadas da capital, e acompanha seu crescimento desde a chegada dos espanhóis no Vale de Mapocho, em 1540.

Cerro Santa LuciaChamado Huelén pelos nativos do Vale do Mapocho, o cerro passou a ser chamado de Santa Lucia pelos espanhóis em 13 de dezembro de 1540. Ali foram construídas as primeiras capelas: da Virgen del Socorro em 1543, Padroeira das Armas; de Santa Lucía, base do Convento de La Merced; e depois a de San Saturnino, protetor em tremores.

Durante o período da Reconquista (1814-1817), Casimiro Marcó del Pont, o último governador espanhol no Chile, transformou a colina em um baluarte da defesa realista, construindo os fortes Marcó (Castillo González no terraço Caupolicán) e Santa Lucia (atual Castillo Hidalgo).

O Cerro Santa Lucía mudou sua aparência em 1872, graças ao prefeito de Santiago Benjamín Vicuña Mackenna, transformando-o completamente. Além de variadas espécies de árvores, ornamentação de origem européia e relíquias do passado colonial chileno, O Cerro Santa Lucia tem espaços atraentes como Castillo Hidalgo e os terraços de Neptuno e Caupolicán.

Entre 1897 e 1903, o arquiteto Víctor Villenueve construiu a entrada monumental da Alameda.

Tiro de canhão do meio dia: diariamente, às 12:00 horas, o canhão espanhol instalado em 1824 é disparado.

Terraço de Netuno: o terraço foi construído no início do século XX com a maravilhosa Fonte Neptune, dedicada ao deus romano do mar. Ali também está instalado um dos Escritórios de Turismo do Município de Santiago.

Cerro Santa Lucia

Ermida de Benjamín Vicuña Mackenna: capela de estilo neogótico. Após a morte de Benjamín Vicuña Mackenna, a cidade decidiu homenageá-lo, transformando a capela em seu jazigo familiar.

Castillo Hidalgo: Inicialmente, este edifício abrigava o “Museu Indígena”. Hoje funciona como um centro de eventos.

Cerro Santa Lucia

Jardim circular: foi o primeiro jardim plantado na colina, e é por isso que suas árvores são as mais antigas do parque.

Terraço Caupolicán
Serviço

Endereço: Quadrante delimitado pela Avenida Libertador Bernardo O’Higgins, Santa Lucia, Victoria Subercaseaux e Merced. Telefone +56 2 23867185 +56 2 23867186 +56 2 23867187.

Horário: de segunda a domingo das 9:00 às 19:00.

Visitas guiadas bilíngues gratuitas: domingos e segundas-feiras às 10:00.

 

Vai para Santiago?
Reserve sua hospedagem clicando nesse link do Booking.com
Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a manter o Ser Turista no ar!

Deixe um Comentário