Poucas das cidades medievais têm as muralhas tão lindas e conservadas como as de Ávila. 2,5 km de muros escodem e protegem praças, igrejas, palácios e casas renascentistas.

Fomos conhecer Ávila a partir de um bate-volta de Madrid, numa viagem de trem, com aproximadamente 1:30h de duração. Compramos as passagens ainda no Brasil, aqui, e pegamos o trem das 8:30 na Estação Chamartin, em Madrid, e, às 10:00, desembarcamos na Estação de Ávila, que fica distante 1,3Km da cidade murada.

No Centro de Recepción de Visitantes (CRV), onde tem maquetes incríveis da cidade, compramos a Tarjeta Turística Visitávila, maiores informações aqui, que nos deu acesso a todas as atrações. Como visitamos a cidade num domingo, o nosso roteiro foi montado baseado no horário de fechamento das atrações, e também da siesta, e não na sua localização geográfica, como geralmente fazemos.

Centro de Recepción de Visitantes - Ávila

Seguimos para o Convento de la Encarnación, um dos lugares essenciais da vida de Santa Teresa de Ávila, onde primeiramente foi monja e, depois, madre superiora, antes de começar as fundações dos conventos de sua nova ordem religiosa, a Ordem das Carmelitas.

Seguimos para a Basílica de San Vicente, o templo mais importante depois da Catedral de Ávila. Fica logo em frente à Porta de San Vicente, que dá entrada para a Muralha, onde está o posto de informação turística (CRV).

Continuamos no Museo de Ávila, que conta a história da cidade desde os primeiros habitantes, com objetos, roupas e fotos.

A próxima parada foi no Convento de San Jose, o primeiro convento fundado que reconheceu o ideal monástico de Santa Teresa de Ávila, baseado na simplicidade e austeridade.

Depois, fomos visitar a Paróquia de São Pedro na Plaza del Mercado Grande. Sua fachada foi inspirada na basílica de San Vicente.

Paroquia de San Pedro - Ávila

Assistimos umas apresentações de bandas locais na Plaza del Mercado Grande, o centro nevrálgico da cidade, onde a vida cosmopolita se concentra. São inúmeras lojas de roupa, produtos típicos, restaurantes e bares. Quando visitamos, a maioria das lojas estava fechada.

Plaza del Mercado GrandeAdentramos a cidade murada pela Puerta del Alcazar, uma das nove portas e a principal da cidade e visitamos a Catedral de Ávila, a 1ª catedral gótica da Espanha, construída por volta do Séculos XI e XII. O seu topo está incorporado na muralha, constituindo uma das suas 88 torres.

Catedral de Ávila

Chegou a tão esperada hora de subir na Muralla. Os acessos são pelas Puerta del Peso de la Harina, Puerta del Carmen e  Puerta del Puente. Um dos pontos de acesso ao interior da cidade murada fica logo depois do grande portão medieval na Praça de Santa Teresa, onde há um quiosque que vende o ingresso, que já está incluído no Turistávila. Percorremos toda a sua extensão e passamos pelas nove portas.

Muralla de Ávila

Ávila

Cuatro PostesFomos nuns 15 minutos de caminhada até o Cuatro Postes, uma construção em estilo romano do Século XV, constituída por 4 colunas dóricas, com mais de 5 metros de altura.

Ali, em criança, Santa Teresa de Jesus e o seu irmão Rodrigo, na sua fuga da cidade e com projetos de viajarem até terras longínquas para morrerem mártires, foram detidos pelo tio.

Mais tarde, quando Santa Teresa é expulsa da cidade devido a sua divergência com as instituições religiosas, teria parado neste lugar e, olhando para a cidade e tirando as sandálias que levava calçadas, teria dito: “De Ávila, ni el polvo” – “De Ávila, nem o pó”.

 

Continuamos no Convento de Santa Teresa, uma construção medieval com uma capela toda revestida em ouro, local onde Santa Teresa nasceu no ano de 1515, e mostra a vida da Santa, canonizada em 1622, quarenta anos depois de sua morte, pelo Papa Gregório XV.

Finalizamos o roteiro no Real Monastério de Santo Tomas. O palácio abriga um Museu de Arte Oriental e outro de Ciências Naturais

Real Monastério de Santo Tomas

Retornamos à estação e pegamos o trem das 18:12 que nos levou de volta a Madrid chegando às 19:52.

 

 

Faltou alguma coisa em nosso roteiro? Deixe um comentário ou nos envie um e-mail contando como foi sua experiência de Ser Turista em Ávila.

Deixe um Comentário