A Ponte do Brooklyn, construída entre 1869 e 1883, conecta Manhattan ao bairro mais populoso de New York, Brooklyn. A ponte é um dos mais famosos e magníficos marcos da cidade de New York.

No momento da construção, o Brooklyn, fundado por colonos holandeses no século XVII, ainda era uma cidade independente. Na verdade, foi até uma das maiores cidades do país. Em 1898, quinze anos após a abertura da Ponte do Brooklyn, os cidadãos do Brooklyn decidiram em uma votação se tornar um bairro de New York.Brooklyn Bridge

Construção

A construção da Ponte do Brooklyn começou em 1869 e levou quatorze anos para ser concluída. No momento em que muitos viram a construção de uma ponte tão grande como uma loucura.

A força motriz por trás de todo o projeto, John Roebling, era um imigrante alemão que havia trabalhado para o governo prussiano como construtor de pontes e estradas. Ele lançou a idéia de construir uma ponte no East River depois que ele tomou uma balsa pelo rio que acabou preso no gelo.

John Roebling nunca conseguiu ver a ponte que ele projetou: ele morreu depois de esmagar seu pé em um acidente. Ele não foi o único a perder a vida durante a construção: 20 do total de 600 trabalhadores morreram enquanto trabalhavam na ponte. O filho de John Roebling, Washington Roebling, assumiu a liderança do projeto, mas sofreu com a doença do caixão como resultado das obras nos pilares da ponte e estava no seu leito de morte durante a inauguração. Naquele dia, 24 de maio de 1883, cerca de 150 mil pessoas atravessaram a ponte.

Roebling construiu uma ponte resistente: uma malha de cabos, onde os quatro mais fortes têm um diâmetro de 30 cm, está ancorada no chão e evita que a ponte se colapse. E, mesmo que esses quatro cabos mais fortes se soltassem, os outros cabos ainda seriam suficientes para suportar a ponte. Roebling afirmou que a ponte não ruiria sem os cabos, ela simplesmente afundaria.

Brooklyn Bridge

Mesmo depois da inauguração, muitos newyorkers não estavam convencidos de que a ponte estava segura. Para provar sua segurança, P.T. Barnum liderou uma caravana de animais de circo – incluindo 21 elefantes – que ocupou toda a ponte em 1884.

A Ponte

Brooklyn BridgeA Ponte do Brooklyn, classificada como uma das maiores façanhas de engenharia do século XIX, é  um dos locais mais conhecidos de New York, ligando o Brooklyn a Manhattan sob o rio East. Ela se estende por um comprimento de cerca de 1,8 km. O espaço entre as grandes torres mede 486 metros, fazendo dela a maior ponte suspensa do mundo.

A característica mais notável da Ponte do Brooklyn são as duas torres de alvenaria às quais os muitos cabos estão conectados. As torres com grandes arcos góticos chegam a uma altura de 84 metros, ao mesmo tempo que tornam-se alguns dos marcos mais altos de New York. Roebling afirmou que as torres monumentais fariam da Brooklyn Bridge um monumento histórico. Ele estava certo, a ponte se tornou oficialmente um monumento nacional em 1964.

A travessia de pedestres

Uma passagem elevada para pedestres não só dá a oportunidade de atravessar o rio sem os perigos do trânsito que acontece a um nível abaixo, mas também oferece uma excelente vista das torres da ponte, bem como do horizonte do centro de Manhattan. As vistas por si só atraem milhões de visitantes para a ponte todos os anos.

Brooklyn Bridge

Como chegar

Metrô

Linha: Verde
Trem: 4, 5 ou 6
Estação: Brooklyn Bridge City Hall

Ao descer da estação, basta seguir as placas indicativas para fazer a travessia da ponte.

Como retornar para Manhattan

Metrô

Próximo a ponte do Brooklyn e ao Brooklyn Bridge Park: Estação “High Street” – Linhas A e C

Próximo ao Brooklyn Heights Promenade: Estação “Court Street” – Linhas N e R

 

Deixe um Comentário